A Menina do Mar | Motion Design


« Voltar ao Blog

Sobre os auspícios da celebração do centenário sobre o nascimento de Sophia de Mello Breyner, a Agência Temper foi contactada pelo encenador Ricardo Neves Neves para trabalharmos juntos pela terceira vez. O resultado foi um surpreendente espetáculo com fortes componentes multimédia, interatividade e a arte da ilustração.

Com o encenador Ricardo Neves Neves, os briefings começam sempre com a pergunta se é possível fazermos “isto” ou “aquilo”. Sendo que o “isto” compete ombro a ombro com o “aquilo” na complexidade e exigência tecnológica, bem como os recursos criativos multidisciplinares das equipas da Agência Temper.

Assim foi com o projeto “Catamarã”, uma narrativa interativa com recurso a animação multimédia e projeção em palco. Foi igualmente assim com a adaptação da obra de Lewis Carrol “Alice no país das maravilhas”, cuja complexidade aumentou  exponencialmente através da interação dos atores com personagens animados, tudo num imponente espelho de 6 por 3 metros, suspenso sobre o palco do Teatro Nacional D. Maria II.

Por isso, quando nos sentámos com o Ricardo, para receber o briefing sobre a sua adaptação d’ “A Menina do Mar” de Sophia de Mello Breyner, já sabíamos de antemão que iriamos, inevitavelmente, subir de patamar relativamente à exigência criativa e tecnológica.

A adaptação da peça “a menina do Mar” teve uma componente de criação e ilustração original de 6 personagens e multiplos cenários, feitos pelo nosso departamento de designers. Estas ganharam vida através de mais de 120 laboriosas animações. Acima de tudo, ganhariam voz pelos atores, que ao vivo animariam as personagens através de comandos de movimento e de voz.

Alice no país das Maravilhas – Teatro do Eléctrico

A Menina do Mar – Teatro do Eléctrico

Mal podemos esperar pelo telefonema do Ricardo para o projeto seguinte e pela pergunta sobre se é possível fazermos mais “isto”, mais “aquilo”.

 

« Voltar ao Blog